Mensagens

Trilho de Chã de Susana (Xertelo - Gerês) aos Carris pelo Castanheiro e Lamalonga

Imagem
Carta militar: 31   Distância: 22,2 Km   Duração: 09h05m   Dificuldade: Difícil   Trilho GPS
Inicio da caminhada em Chã de Susana, na freguesia do Xertelo em plena serra do Gerês, junto à sua enorme mariola, seguindo em direcção ao Alto das Portas do Castanheiro e daí para o Castanheiro, fazendo aí um pequeno desvio para subirmos até ao seu marco geodésico. Aqui, desfrutamos de vistas fabulosas de 360º, Borrageiro I, Coucão, Rocalva, Roca Negra, Nevosa, Fonte Fria, a capelinha de S. João da Fraga, Pitões das Júnias, barragem de Paradela, entre outros, todos ali ao nosso alcance. Daqui seguimos até ao curral da Matança, e logo a seguir, enquadrados pelo Salto do Lobo, chegamos ao imenso vale de Lamalonga com o seu curral. Altura para apreciar a belíssima paisagem e recuperar forças para enfrentar a subida para as Lavarias. Ao percorrer vários locais do Gerês, somos muitas vezes remetidos para cenários da Terra Média, saídos da imaginação de Tolkien, este é mais um deles, o 1º vislumbre…

Leonte, curral do Cubato, Mourô, Freza, curral da Raíz

Imagem
Cartas militares: 30 e 31   Distância:7,3 Km   Duração: 04h50m   Dificuldade: Moderado   Trilho GPS
Caminhada com inicio em Leonte, num magnífico dia de sol, que nos iria levar a descobrir os currais do Cubato e da Raíz, passando por Mourô e pela Freza. Partindo de Leonte descemos um pouco pela estrada até apanharmos o trilho que nos conduz até ao curral do Cubato, o início do trilho está limpo, no entanto a pouco e pouco vai-se fechando, tornando-se difícil descortinar as mariolas, escondidas no meio da vegetação. A progressão até ao curral do Cubato é por isso mais lenta e requer bastante atenção para seguirmos o trilho. A partir do curral do Cubato, o trilho está muito bem marcado pelas mariolas e faz-se muito facilmente, à medida que vamos subindo vamos apreciando a paisagem envolvente, o Pé de Cabril e o Pé de Medela vão surgindo em diferentes ângulos, em múltiplos miradouros. Rapidamente chegamos a Mourô, ou Vidoal onde pudemos observar um conjunto de garranos, entre eles um pe…

Leonte, Mourô, Borrageiro

Imagem
Cartas militares: 30 e 31   Distância:12 Km   Duração: 06h10m   Dificuldade: Fácil   Trilho GPS
Chegados a Leonte, a ideia inicial era ir até ao Borrageiro e daí seguir até à Rocalva pela Roca Negra, em direcção ao Conho. Rapidamente tomamos o bem conhecido trilho que nos leva até Mourô e daí seguimos até à Freza e Chã da Fonte. Aqui, já vimos que provavelmente teríamos que alterar os planos iniciais, a quantidade de neve que ainda existia do nevão da semana anterior era impressionante. Seguimos até ao arco do Borrageiro e daí até ao sopé do Borrageiro para constatar que de facto havia imensa neve e sem o equipamento adequado (polainas) se seguíssemos íamos ficar com os pés alagados, o que não é nada agradável. Assim, resolvemos dar umas voltas pela montanha e descobrir alguns miradouros ao longo do percurso,evitando os acumulados de neve sempre que possível. Almoçamos num desses locais, com a Louriça, Pé de Medela, Borrageiro I e II, à nossa volta, para depois iniciarmos o regresso. …

Tribela, Pinhô, Pradolâ, Vidoirinho, Rocalva, Amarela, Bicos Altos

Imagem
Cartas militares: 31 e 44   Distância:16 Km   Duração: 07h10m   Dificuldade: Moderado   Trilho GPS
Caminhada com inicio na Tribela, seguindo pela ponte das Servas, Pinhô, Carvalhosa, Pradolã, Estreito, Vidoirinho até ao prado da Rocalva. Aqui chegados, foi tempo de retemperarmos forças e apreciar mais uma vez este magnifico local tendo a Roca Negra, a Rocalva e o Cutelo de Pias por companhia. Da Rocalva regressamos ao Vidoirinho aonde aproveitamos para reabastecer com a sua magnifica água e daí seguimos em direcção à Sesta da Amarela, miradouro deslumbrante, com alguns dos principais ícones do Gerês, Rocalva, Roca Negra, Coucão, Sombrosas, Porta Ruivas, Borrageiro I, e o vale do Rio Laço, todos ali à nossa volta. Após o almoço, desfrutando desta paisagem fabulosa, seguimos até ao prado da Amarela, com o seu frondoso Carvalho e daqui para o prado dos Bicos Altos, para seguir novamente até à Carvalhosa e retomar o percurso que nos conduz de volta até à Tribela.

Excelente trilho, bem mar…

Trilho da Peneda

Imagem
Carta militar: 09   Distância:12 Km   Duração: 04h40m   Dificuldade: Moderado   Trilho GPS
Caminhada efectuada em meados de Agosto aproveitando um dia com temperaturas amenas, excepção aos dias de intensa canícula que se faziam sentir.
Voltamos a percorrer o trilho da Peneda, percurso que já tínhamos realizado há uns anos a esta parte, desta vez optamos por não seguir até à branda da Bouça dos Homens, tomando logo o caminho que nos conduz de regresso montanha acima em direcção à Penameda. A caminhada foi realizada com chuva miudinha e nevoeiro, dando tréguas aos incêndios que flagelaram partes desta serra nos dias anteriores. O percurso segue maioritariamente por antigos carreteiros e caminhos de romeiros e é todo ele muito interessante, a paisagenm que se vislumbra na Chã do Monte, junto ao lago artificial, conhecido na região por pântano, é um ícone destas serranias. O nevoeiro levantou precisamente quanto chegamos à Chã do Monte, onde aproveitamos para almoçar e desfrutar do local,…

Trilho da Vezeira de Fafião - Gerês -

Imagem
Cartas militares: 31 e 44   Distância: 25.7 Km   Duração: 10h10m   Dificuldade: Difícil Trilho GPS
Inicio da caminhada cerca das 08h30, em Fafião, sendo os 1ºs Kms feitos por um estradão sempre a subir, onde recebemos a companhia de uma simpática cadela que fez questão de nos acompanhar durante todo o percurso. Findo o estradão e chegados a um planalto começa verdadeiramente o trilho. Optamos por efectuar o percurso que serpenteia a montanha a meia encosta através de um minúsculo carreiro. Este troço é verdadeiramente espectacular, mas requer perticular cuidado, sendo totalmente desaconselhável em dias com gelo ou elevada humidade, neste caso, a alternativa a cota mais elevada creio que será mais indicada. As vistas sobre as imponentes Sombrosas ou Porta Ruivas são impressionantes e à medida que prosseguimos a sua presença torna-se mais notória. Rapidamente chegamos ao Porto da Lage, onde o rio com a sua represa, forma belas lagoas e convida a uns bons mergulhos, daqui até à Touça, lo…

Cascata do Arado, Corga do Arieiro, Roca Negra, Chã do Pinheiro, Arrocela

Imagem
Cartas militares: 31 e 44   Distância: 13 Km   Duração: 6h49m   Dificuldade: Moderado    Trilho GPS
Inicio de mais uma caminhada na cascata do Arado, seguindo para o Vale da Teixeira, dando para apreciar mais uma vez as lagoas e o seu verdejante prado. A seguir ao curral da Teixeira tem inicio a principal dificuldade do dia com a subida da corga do Arieiro. Aqui, muitas das mariolas estão ocultas pela vegetação e temos de enfrentar inclinações de cerca de 50% em grande parte do percurso, mas as paisagens que se vão observando à medida que subimos compensam claramente o esforço. No topo temos uma vista deslumbrante sobre todas as montanhas circundantes com o vale da Teixeira bem lá no fundo. Após o almoço com este cenário como pano de fundo, subimos à Roca Negra, onde temos uma vista priveligiada sobre a Rocalva, o Borrageiro I, Coucão e demais icones do Gerês. Daqui optamos por seguir o trilho pela linha de cumeada, através da Chã de Pinheiro até à Arrocela o que nos permite continuar…